© 2019 Círculo das Artes. Todos os direitos reservados. 

CNPJ: 16.543.666/0001-26

Da mente ao pó

No grito incessante

Da alma ela sai

Percorrendo as linhas

No fundo branco.

 

Ao apoio de Fante

Despejo palavras fora de ordem

Na forma de poesia

Aos olhares das mulheres

O Louco vai agarrando as inspirações

 

Procurando palavras

A mente cansada

De quem carrega uma vida dura

Vai juntando os devaneios.

 

Sem pensar, desfiro desenfreadamente palavras.

Para que a vida não se transforme em tortura

Não há continuidade

Nem encerramentos

Há apenas os momentos.

Please reload